A coleção de Peggy Guggenheim

Missa da Benção em Salvador. Extraordinário sincretismo
19 de janeiro de 2018
Um ano sem…
26 de janeiro de 2018
Exibir tudo

Composição - Jean Helión. 1934

A coleção de Peggy Guggenheim( 1898-1979) é um delírio para todo amante da arte moderna do século 20. Visitá-la no Pallazzo Vernier dei Leoni, em Veneza, Itália, é entrar no passado, percorrer  a história da arte ao vivo e a cores nas obras de Picasso, Max Ernst, Marc Chagall, Man Ray, e outros artistas que  testemunharam uma época efervescente e desejosa de mudanças…

IMG_4157

A paixão de Peggy Guggenheim deixou um legado inestimável para estudiosos pesquisadores, historiadores, amantes da história da arte no Ocidente. Envolve cubismo, surrealismo e expressionismo abstrato. Ela foi a mais importante colecionadora e mecenas de sua época.

Era de família rica de Nova York. O pai morreu no naufrágio do Titanic em 1912 – Benjamim Guggenheim e sobrinha de Solomon Guggenheim que idealizou a fundação que hoje existe em diversas partes do mundo, com os famosos e arrojados em arquitetura, museus Guggenheim.

Veneza

800px-PI5DAE_2_-_CopyPeggy_Guggenheim_Museum

Sua coleção está preservada na Sereníssima, na beleza arquitetônica do Palácio Vernier. Construção de 1748, inacabada, assinada pelo arquiteto Lorenzo Boschetti.

Peggy teve uma vida cheia de glamour e diversos maridos. Viveu entre Londres, Nova York, Paris e Veneza, onde terminou seus dias.

Obras

IMG_4109

Pablo Picasso – Buste d’homme en tricot trayé. 1939.

IMG_4129

Marc Chagall- A Chuva. 1911

IMG_4173

Salvador Dalí – Sem Título. 1931

IMG_4216

Amedeo Mongliani – L’Femme en blouse Marine. 1916

 

IMG_4201

Alexander Calder – Brincos para Peggy Guggenheim. 1938.

IMG_4217

Andy Warhol – Flores. 1964.

IMG_4146

Marchel Duchamp – Bôite-en-valise. 1941.

Essa é uma pequena demonstração das obras que existem nesse palazzo maravilhoso. Pollack, Tanguy, Men Ray,Vasily Kandisnky, Marcel Duchamp, e muito mais.

IMG_4078

Ao visitar uma coleção como a de Peggy Guggenheim o espectador tem a oportunidade de se transportar no tempo, atingir a memória histórica, viver cada momento de criação de uma obra, percebendo o olhar do artista no instante em que nasce a obra. Se passar por Veneza e gosta de arte, não deixe de conhecer esse importante acervo que faz parte da história da arte do mundo moderno europeu e americano.

Comentários Facebook

comentarios

Mari Weigert
Mari Weigert
Mari Weigert é jornalista com especialização em História da Arte pela Escola de Música e Belas Artes do Paraná. Atuou na área de cultura, como jornalista oficial do Governo do Paraná. Durante um ano participou das aulas de Crítica de arte de Maria Letizia Proietti e Orieta Rossi, na Sapienza Università, em Roma como aluna ouvinte. Acredita que as palavras bem escritas educam e seduzem pelos seus significados que se revelam na poética da vida. *IN ITALIANO (Mari Weigert è giornalista e perfezionata in Storia dell' Arte per la Embap, del Brasile. Durante un anno è stato alunna di Critica d'Arte, alla Sapienza Università di Roma. Crede nelle parole ben scritte che seducono per le sue significate in cui rivelano la poetica della vita.)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.