Casinhas de bonecas à beira do Mozel

Escritor inglês que vive exclusivamente de literatura
5 de setembro de 2016
É tempo de Bienal. São Paulo apresenta Incerteza Viva
7 de setembro de 2016
Exibir tudo

 

O rio Mozel, Mozelle em Francê e Die Mozel em Alemão, que passa pela Alemanha, França e Luxemburgo, certamente inspirou os contadores de histórias a compor e criar personagens com enredos mágicos.

IMG_8575

Pequenas comunidades, que vistas à distância, mais parecem casinhas de bonecas de um quarto infantil, que em plena primavera e verão desabrocham para o turismo.

IMG_8568

As águas do Mozel seguem toda a Europa Ocidental e desaguam no Reno, em Koblenz. A região é famosa pela produção de um saboroso vinho branco. O passeio é mais aproveitável quando feito de carro, parando nas pequenas cidades típicas, plenas de produtos artesanais e bons vinhos para degustar.

IMG_8504

A rota pode começar a partir de Luxemburgo, depois Shengen, conhecida pelo acordo internacional e seguir para Trier, na Alemanha. Uma cidade em que se fala alemão e francês e que foi fundada pelos celtas e conquistada mais tarde pelos romanos, que deixaram como herança para humanidade a grande Porta Negra.

IMG_8542

Também dar uma rápida passada em Cochen, uma cidade um pouco maior apesar de típica e conhecida pelo castelo localizado no alto da colina.

IMG_8535

O roteiro do Mozel é uma opção para o turista que aprecia a natureza, a paz das colinas, comida típica e história de um povo que construiu sua própria história no passado. As paisagens campestres e a beleza bucólica darão boas fotos, inesquecíveis lembranças de uma viagem tranquila, num mundo em que o tempo parou depois de um inverno rigoroso, para que seu povo possa desfrutar placidamente das estações do sol e das flores.

 

 

Comentários Facebook

comentarios

Mari Weigert
Mari Weigert
Mari Weigert é jornalista com especialização em História da Arte pela Escola de Música e Belas Artes do Paraná. Atuou na área de cultura, como jornalista oficial do Governo do Paraná. Durante um ano participou das aulas de Crítica de arte de Maria Letizia Proietti e Orieta Rossi, na Sapienza Università, em Roma como aluna ouvinte. Acredita que as palavras bem escritas educam e seduzem pelos seus significados que se revelam na poética da vida. *IN ITALIANO (Mari Weigert è giornalista e perfezionata in Storia dell' Arte per la Embap, del Brasile. Durante un anno è stato alunna di Critica d'Arte, alla Sapienza Università di Roma. Crede nelle parole ben scritte che seducono per le sue significate in cui rivelano la poetica della vita.)

Os comentários estão encerrados.