As inquietações da Mafalda não perderam a atualidade 50 anos depois

O Universo produz sua própria arte
25 de fevereiro de 2015
Por que Mafalda agrada todas as idades
5 de março de 2015
Exibir tudo

Persistem ainda os mesmos problemas sociais, ambientais e políticos que inquietavam os pensamentos da Mafalda

Os mesmos problemas sociais, ambientais e políticos que inquietavam os pensamentos da Mafalda, a menininha precoce, crítica, lúcida e enfática, criada pelo cartunista argentino Quino, em 1964, continuam a tirar o sono daqueles cidadãos que torcem para que o mundo seja um lugar melhor para se viver. No entanto, já se foram 50 anos e os temas como as guerras, destruição da natureza, a fome e desigualdade social são ainda as principais pautas da mídia em todo o planeta.

IMG_3041IMG_3062

Cinquentona

A cinquentona Mafalda, que não perdeu a pureza infantil, está entre os personagens mais populares da história em quadrinhos da América do Sul. Seu humor é inteligente, ideológico e reflexivo e seus questionamentos foram traduzidos em 26 idiomas, além de ter sido eleita uma das dez argentinas mais influentes do século XX – apesar de ter um corpo de papel.

Esta menininha portenha está fazendo sucesso na Praça das Artes, em São Paulo, e agrandando tanto crianças quanto adultos, numa exposição interativa, “O Mundo Segundo Mafalda”. após bem sucedida temporada em sua terra natal. A exposição foi cedida pelo Museu da Criança de Buenos Aires.

IMG_3024

Entrar na exposição é sentir-se no mundo de Mafalda como se estivesse do lado dela, de seus amigos e família. Já na entrada encontramos ela dentro de um carro de verdade, num modelo muito parecido ao do pai de Mafalda, um Citroen 2CV. Este modelo foi ícone da classe média dos anos 60 e 70 na Argentina, assim como o fusca foi no Brasil em um período da história.

IMG_3072IMG_3054

Daí para frente, é só seguir o caminho e conhecer a  casa dela, que também é réplica do que seria nos anos 60, colocar a criança, se tiver, a participar das atividades interativas, assistir alguns quadrinhos criados para tv e observar os mundos enfraquecido, sujo, doente, entre outros e brincar com os balões de pensamentos de Mafalda. Certamente, será bem divertido e horas irão passar muito rápido. A mostra foi prorrogada e permanece até sexta-feira (06), na Praça das Artes.

 

Comentários Facebook

comentarios

Mari Weigert
Mari Weigert
Mari Weigert é jornalista com especialização em História da Arte pela Escola de Música e Belas Artes do Paraná. Atuou na área de cultura, como jornalista oficial do Governo do Paraná. Durante um ano participou das aulas de Crítica de arte de Maria Letizia Proietti e Orieta Rossi, na Sapienza Università, em Roma como aluna ouvinte. Acredita que as palavras bem escritas educam e seduzem pelos seus significados que se revelam na poética da vida. *IN ITALIANO (Mari Weigert è giornalista e perfezionata in Storia dell' Arte per la Embap, del Brasile. Durante un anno è stato alunna di Critica d'Arte, alla Sapienza Università di Roma. Crede nelle parole ben scritte che seducono per le sue significate in cui rivelano la poetica della vita.)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.